21 de abr de 2012

Delhi

Chegamos em Delhi de avião vindo de Mumbai. No aeroporto Internacional de Delhi encontramos uma estrutura muito interessante com diversos Mudras.


No aeroporto ficamos sabendo que poderíamos chegar ao centro da cidade de Metro e para a nossa surpresa o Metro é a melhor opção, pois além de ser super limpo é bem confortável e seguro.

Todos os contrastes e contradições da Índia estão bem visíveis na capital: encontramos jovens de calças jeans junto com sadhus (homens santos), mulheres de saris e outras em estilo ocidental, carros de boi trafegam lado a lado com carros luxuosos.
Nova Delhi possui prédios do governo e também abriga o bairro diplomático, onde se localiza todas as embaixadas.

Atrações Turísticas:

Jami Masjid
Essa mesquita grandiosaa, com três imponentes cúpulas de mármore preto e branco foi erguida em 1656 pelo imperador Shah Jahan.
No tempo de Aurangzeb, esta área atraía vendedores de cavalos e prestidigitadores (ilusionistas); atualmente, fica cheia de guardadores de sapatos e mendigos.
Jami Masjid

Red Fort
As muralhas de arenito vermelho deram nome a esta fortificação. A construção encomendada por Shah Jahan em 1639 levou nove anos para terminar e sediou o governo Mogul até 1857, quando seu último imperador, Bahadur Shah Zafar, foi destronado e exilado.
E o Red Fort continua sendo um símbolo poderoso da nacionalidade indiana. Aqui foi hasteada a bandeira nacional pela primeira vez quando a Índia se tornou nação independente em 15 de agosto de 1947.
Red Fort
Qutub Minar
Torre isolada mais alta da Índia, a Qutub Minar (termo árabe para poste ou eixo) marca o local do primeiro reino muçulmano no norte da Índia, fundado em 1193.
Qutub Minar

Baha'i House of Worship
Construção moderna mais inovadora de Delhi. No interior desse templo o ambiente é de silêncio e ordem. Tem um atraente formato de flor de lótus, com 27 pétalas de mármore branco, que lhe valeu o nome popular de Templo de Lótus. Esse prédio lindíssimo é rodeado por nove espelhos d'água e lindos gramados.
Apenas como curiosidade, a seita Baha'i surgiu na Pérsia e parte do ponto de vista de que a humanidade é uma única raça. Devotos de todas as fés são convidados a meditar no grandioso auditório que tem acomodações para 1300 pessoas.
Templo de Lótus

Índia gate
Esse arco de arenito vermelho foi erguido em homenagem aos soldados indianos e britânicos que morreram na primeira guerra mundial e aos que tombaram em batalhas da Fronteira Norte-Oeste da Província e da Terceira Guerra Afegã. Uma chama eterna queima para lembrar os soldados que morreram na Guerra Índia-Paquistão, de 1971.
Índia Gate - em Delhi

Pahar Ganj
Simplesmente o paraíso dos sacoleiros rsrsrs. Se você ainda não sabe onde a galera que vem para a Índia faz compras... Pahar Ganj!
É simplesmente uma loucura. Você fica sem saber para onde ir, para onde olhar, qual loja entrar. São milhares de lojas à sua disposição, milhares de vendedores te puxando pra dentro das lojas. Nesse lugar você se sente como uma nota de cem dólares voando - e todo mundo tentando te pegar.
É o que parece mesmo - loucura! Mas vale a pena






Veja também nossa passagem por ouras cidades:
Mumbai  -  Pune  -  Rishikesh  -  Haridwar

Nenhum comentário:

Postar um comentário